Orgão Oficial

CBC - Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões - Journal of the Brazilian College of Surgeons

Artigos do Autor

2 resultado(s) para: ACBC-CE

Preditores de mortalidade em pacientes submetidos à nefrectomia por carcinoma de células renais não metastático em um centro de referência no Nordeste Brasileiro

Predictors of mortality in patients submitted to nephrectomy for non-metastatic renal cell carcinoma at a referral center in Northeastern Brazil

Marcus Vinicius Silva Araújo Gurgel, ACBC-CE; Josualdo Alves Júnior; Guilherme Bruno Fontes Vieira; Felipe de Castro Dantas Sales; Marcos Venício Alves Lima

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;44(3):257-262 : Artigo Original

Resumo PDF PT PDF EN

OBJETIVO: identificar fatores prognósticos envolvidos no carcinoma de células renais não metastático.
MÉTODOS: estudo tipo coorte retrospectivo, utilizando dados obtidos em revisão de prontuários de pacientes portadores de carcinoma de células renais, submetidos à nefrectomia radical ou parcial, no Instituto do Câncer do Ceará.
RESULTADOS: foram estudados 117 pacientes com média de idade de 59,14 anos e mediana de 59 anos. Não houve predominância de sexo, o rim direito foi o mais acometido (64%) e o tipo histopatológico mais comum foi o carcinoma de células claras (77%). Predominou o estádio pT1 e o grau GII. Das variáveis analisadas, apenas o estadiamento patológico (pT) e o acometimento linfonodal revelaram-se preditoras de sobrevida global.
CONCLUSÃO: o estadiamento patológico (pT) e o acometimento de linfonodos regionais são fatores prognósticos importantes em pacientes portadores de carcinoma de células renais não metastáticos submetidos a nefrectomia.


Palavras-chave: Neoplasias Renais. Nefrectomia. Carcinoma de Células Renais. Sobrevida. Prognóstico.

Identificação do linfonodo sentinela utilizando hemossiderina em casos de câncer de mama localmente avançado

Identification of the sentinel lymph node using hemosiderin in locally advanced breast cancer

Paulo Henrique Walter de Aguiar, ACBC-CE; Ranniere Gurgel Furtado de Aquino; Mayara Maia Alves; Julio Marcus Sousa Correia; Ayane Layne de Sousa Oliveira; Antônio Brazil Viana Júnior; Luiz Gonzaga Porto Pinheiro, ECBC-CE

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;44(6):612-618 : Artigo Original

Resumo PDF PT PDF EN

OBJETIVO: verificar a taxa de concordância na identificação do linfonodo sentinela utilizando um marcador autólogo rico em hemossiderina e o Tecnécio 99 (Tc99) em casos de câncer de mama localmente avançados.
MÉTODOS: ensaio clínico fase 1, do tipo prospectivo, não randomizado, em 18 pacientes portadoras de câncer de mama com axila clinicamente negativa em estádio T2=4cm, T3 e T4. As pacientes foram submetidas à injeção subareolar de um marcador autólogo rico em hemossiderina 48 horas antes do procedimento cirúrgico para biópsia do linfonodo sentinela, e sua taxa de identificação foi comparada, no intraoperatório, com o marcador radioativo Tc99 (padrão-ouro). A concordância entre os métodos foi estabelecida pelo índice de Kappa.
RESULTADOS: a taxa de identificação do linfonodo sentinela foi de 88,9%, com uma média de dois linfonodos sentinelas por paciente. O estudo identificou os linfonodos sentinelas corados com hemossiderina em 83,3% dos casos (n=15), quando comparados com a taxa de identificação do Tc99, tendo sido observada concordância em 94,4% dos casos estudados.
CONCLUSÃO: o marcador autólogo rico em hemossiderina se mostrou eficaz na identificação do linfonodo sentinela em casos de câncer de mama localmente avançado.


Palavras-chave: Neoplasias da Mama. Biópsia de Linfonodo Sentinela. Hemossiderina. Tecnécio.

Copyright 2018 - Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões