Orgão Oficial

CBC - Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões - Journal of the Brazilian College of Surgeons

Artigos do Autor

2 resultado(s) para: Daniela Magalhães Moreira dos Santos

Óbitos por trauma abdominal: análise de 1888 autopsias médico-legais

Deaths from abdominal trauma: analysis of 1888 forensic autopsies

Polyanna Helena Coelho Bordoni; Daniela Magalhães Moreira dos Santos; Jaísa Santana Teixeira; Leonardo Santos Bordoni

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;44(6):582-595 : Artigo Original

Resumo PDF PT PDF EN

OBJETIVO: avaliar o perfil epidemiológico dos óbitos por trauma abdominal no Instituto Médico Legal de Belo Horizonte.
MÉTODOS: estudo retrospectivo dos laudos de óbitos relacionados a trauma abdominal necropsiados no período de 2006 a 2011.
RESULTADOS: foram analisados 1888 laudos necroscópicos de trauma abdominal. O trauma penetrante foi mais comum que o contuso, e o decorrente de projéteis de arma de fogo mais prevalente que o relacionado a armas brancas. A maioria dos indivíduos era do sexo masculino, morena, solteira e ativa do ponto de vista ocupacional. A média etária foi de 34 anos. O homicídio foi a circunstância do óbito mais prevalente, seguido dos acidentes de trânsito, e quase a metade dos casos foi recebida no Instituto Médico Legal proveniente de uma unidade saúde. Os órgãos abdominais mais lesados no trauma penetrante foram o fígado e os intestinos, e no trauma contuso foram o fígado e o baço. A pesquisa de alcoolemia foi positiva em um terço das necropsias onde foi realizada. Cocaína e maconha foram as substâncias mais encontradas nos exames toxicológicos.
CONCLUSÃO: nesta amostra houve predominância do trauma abdominal penetrante, em homens jovens, morenos e solteiros, sendo o fígado o órgão mais lesado.


Palavras-chave: Autopsia. Medicina Legal. Homicídio. Traumatismos Abdominais.

Copyright 2018 - Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões