Orgão Oficial

CBC - Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões - Journal of the Brazilian College of Surgeons

Artigos Relacionados

2 resultado(s) para: Polissorbatos. Retina. Eletrorretinografia. Injeções Intravítreas. Achados Morfológicos e Microscópicos.

Associação do polimorfismo Y402H do gene CFH com a resposta terapêutica ao Ranibizumabe em pacientes portadores de degeneração macular relacionada à idade neovascular

CFH Y402H polymorphism and response to intravitreal Ranibizumab in brazilian patients with neovascular age-related macular degeneration

Carlos Eduardo Veloso, Luciana Negrão Frota de Almeida, Márcio Bittar Nehemy

Rev. Col. Bras. Cir. 2014;41(6):386-392 : Artigo Original

Resumo

Objetivo: investigar a associação entre polimorfismo do gene CFH e a resposta terapêutica ao ranibizumabe na degeneração macular relacionada à idade (DMRI) neovascular. Métodos: noventa e cinco pacientes foram submetidos à genotipagem para identificação do polimorfismo rs1061170 (Y402H) do gene CFH. Pacientes portadores de DMRI neovascular receberam inicialmente três injeções intravítreas de ranibizumabe com intervalo mensal entre elas. A partir de então, foram retratados de acordo com a necessidade. Acuidade visual (AV) e espessura macular central (EMC) foram medidas antes e 1, 3, 6 e 12 meses após o início do tratamento. Resultados: para pacientes portadores dos genótipos TT e TC, a análise pareada da AV mostrou melhora estatisticamente significativa quando os dados obtidos em todas as visitas foram comparados com aqueles obtidos antes do início do tratamento. Para pacientes homozigotos para o alelo de risco (CC), não houve diferença estatisticamente significativa quando a AV obtida nas visitas 1, 3, 6 e 12 foi comparada com aquela obtida antes do início do tratamento. Para todos os genótipos, a análise pareada da EMC mostrou melhora estatisticamente significativa em todas as avaliações. Conclusão: pacientes portadores do genótipo CC apresentaram pior resposta funcional em longo prazo após o tratamento com ranibizumabe intravítreo.


Palavras-chave: Degeneração Macular, Genética, Polimorfismo Genético, Injeções Intravítreas, Retina

Injeção intravítrea de polissorbato 80: estudo funcional e morfológico

Intravitreal injection of polysorbate 80: a functional and morphological study

Francisco Max Damico; Fábio Gasparin; Gabriela Lourençon Ioshimoto; Thais Zamudio Igami; Armando da Silva Cunha Jr.; Silvia Ligorio Fialho; Andre Mauricio Liber; Lucy Hwa-Yue Young; Dora Fix Ventura

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;44(6):603-611 : Artigo Original

Resumo

OBJETIVO: determinar os efeitos funcionais e morfológicos na retina de coelhos da concentração de PS80 utilizada na preparação de drogas intravítreas.
MÉTODOS: onze coelhos New Zealand receberam injeção intravítrea de 0,1ml de PS80. Como controle, o olho contralateral de cada coelho recebeu o mesmo volume de soro fisiológico. Foram realizados eletrorretinogramas de acordo com o protocolo modificado, biomicroscopia e mapeamento de retina antes da injeção, sete e dez dias depois. Os animais foram sacrificados no 30o dia e as retinas analisadas por microscopia de luz.
RESULTADOS: os olhos injetados com PS80 não apresentaram sinais clínicos de inflamação intraocular. O eletrorretinograma não apresentou alteração de amplitude e tempo implícito das ondas a e b nas condições escotópica e fotópica. Não houve alteração morfológica da retina na microscopia de luz.
CONCLUSÃO: a injeção intravítrea de PS80 na concentração utilizada na preparação de drogas intravítreas não causa alterações funcionais e morfológicas na retina de coelhos. Esses resultados sugerem que o PS80 não é tóxico para a retina de coelhos e pode ser usado com segurança na preparação de novas drogas lipofílicas para injeção intravítrea.


Palavras-chave: Polissorbatos. Retina. Eletrorretinografia. Injeções Intravítreas. Achados Morfológicos e Microscópicos.

Copyright 2018 - Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões